PASSEIOS A PÉ PELO PORTO

 

O Porto aqui tão perto e tanto por descobrir!

 

Continuamos aquilo que começamos no ano passado: a conhecer a nossa cidade, serenamente com sentido de humor e já com tantos amigos! A “fórmula” é a mesma: com César Santos Silva, aos domingos de manhã, um Passeio (ou dois!) por mês, percorrendo agora não só freguesias, mas algumas das ruas do Porto. O texto de apoio e as respetivas fotografias passarão a estar disponíveis no site, após o passeio.

 

Obrigada pelos Passeios a pé que demos, bem vindos aos que iremos dar...

 

30 Março - Rua de Santa Catarina

Sabe onde foi fundado o Tripeiro?

Sabe onde cresceu Arnaldo Gama? E António Nobre?

Sabe onde casou Camilo Castelo Branco?

E sabe que existe um Palacete revivalista romântico, ao estilo de Sintra?

rua santa catarina

Ponto de Encontro: Praça da Batalha, em frente à Igreja de Santo Ildefonso, às 10h45

 Percurso:

1- Praça da Batalha

2- Rua de Santa Catarina

3- Praça do Marquês

 
Duração: 1h30
Número limite por passeio: 40 pessoas.
 
Inscrições:( a partir do momento em que recebem a sua divulgação, por email e Facebook)
Data limite: 27 de março
Inscrições para:   geral@amaieurope.org ou  cristina.gbasto@gmail.com (as inscrições no Facebook não são consideradas válidas).
Será considerada a ordem de inscrição, após a divulgação do Passeio; esta é válida após confirmação por parte da AMAI.
Preço por passeio: Associados AMAI:5€; Não Associados:6€ (se possivel trocado, p.f.); até aos 15 anos (acompanhados por adulto):gratuito
Após cada passeio será disponibilizado, digitalmente, o texto de apoio ao passeio, juntamente com as respetivas fotografias. (é importante, por isso, que a inscrição tenha sido feita e confirmada por email).
 
Passatempo Fotográfico 
fotografia  
Para os interessados, o passeio a pé, poderá ser acompanhado por um "passeio fotográfico"; no final do ano, os trabalhos serão avaliados por um júri e premidados (informações sobre este passatempo, brevemente). 
AMAI já está no Facebook  http://www.facebook.com/amaieurope. Já fizeram “like”?